A importância da cor nos filmes de Stanley Kubrick

É no detalhe que está o génio e no cinema isso não é excepção. Tudo é levado ao pormenor. Cada detalhe transmite um determinado estado de espírito ou emoção ao espectador e as cores influenciam a nossa percepção da narrativa. Muito haveria para se falar deste tema, os próprios tons das cores e a densidade da luz, influenciam toda a nossa absorção da história e da própria carga dramática da acção.

Há vários realizadores que dominam a cor, entre eles Jean-Luc Godard, Wes Anderson, Pedro Almodóvar ou Stanley Kubrick. E foi neste último que Marc Anthony Figueras se baseou para fazer um ensaio sobre a lógica da cor. E, para isso, foram usados vários excertos de vários filmes, tais como: “2001: A Space Odyssey”, “A Clockwork Orange”, “Barry Lyndon”, “The Shining”, “Full Metal Jacket” e “Eyes Wide Shut”.

Loading...

Add Comment

Este website usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Mais informação

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close