Chamas na Grécia destroem arquivo privado de Theo Angelopoulos

As chamas que devastaram a Grécia nos últimos dias deixaram enormes marcas no país, mas também no mundo do cinema. Sabe-se agora que todo o arquivo privado do cineasta Theo Angelopoulos foi consumido pelas chamas que destruíram quase na totalidade a localidade de Mati na costa oriental de Atenas.

Phivi Angelopoulos, a viúva de Theo, escapou ilesa aos incêndios mas testemunhou a total destruição da sua casa. “Os livros do meu marido, a sua correspondência com personalidades, todos os livros que foram autografados pelos seus autores, textos e poemas foram destruídos”.

Theo Angelopoulos

Theo Angelopoulos faleceu em 2012 na sequência de ferimentos graves após ter sido atropelado por um motociclo. Era um dos cineastas grego mais  conceituados e o que mais distinções internacionais recebeu, tendo mesmo alcançado uma Palma de Ouro (A Eternidade e um Dia) de Cannes e um Leão de Prata do Festival de Veneza (Topio stin omichli).

Add Comment